Bem vindos!













Bem vindos ao Monster High School! Fique a vontade e se junte com a gente .::Gossip Monster::.
Vectro Graphics




Últimos Assuntos
















O que está acontecendo atualmente em Chernobyl City?
Últimos assuntos
» {Descrição} Hibridos
Sab Dez 26, 2015 8:30 pm por Mackenzie A. Irvine

» {Descrição} Sacerdotes e Sacerdotisas
Sab Dez 26, 2015 8:26 pm por Mackenzie A. Irvine

» Membros da Casa da Vida
Sex Dez 25, 2015 10:10 am por Mackenzie A. Irvine

» {Descrição} FTCS
Sex Dez 25, 2015 10:09 am por Mackenzie A. Irvine

» {Descrição} Transmorfos
Sex Dez 25, 2015 10:01 am por Mackenzie A. Irvine

» {Descrição} Oráculos
Sex Dez 25, 2015 9:55 am por Mackenzie A. Irvine

» [FP]-Alex Mikaelson
Qui Nov 27, 2014 6:43 pm por Convidado

» [FP] Srta. Annie Voguel
Sex Nov 21, 2014 12:05 pm por Convidado

» [FP] Jessica Hans
Dom Out 05, 2014 11:09 pm por Convidado
















Nossa Staff
Passe o Mouse para ver info






MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL
Nossos Parceiros
















Aqui são nossos parceiros
Parceiros
Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic button

Loft Maurer

Página 3 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Qui Nov 07, 2013 9:11 pm

Relembrando a primeira mensagem :



Loft da Kayla Maurer
1º Andar :

Quarto

Cozinha

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Sab Nov 09, 2013 10:11 pm

Sentia um prazer inexplicável, estava totalmente em êxtase. Meu coração estava acelerado e minha respiração estava ofegante. Ela me puxa para mais perto, deixando nossos corpos mais colados um do outro.

Continua invadindo ela, dessa vez mais profundamente e fazia os movimentos com mais velocidade. Levo novamente meus lábios a encontro do seu pescoço e mais uma vez, dou alguns beijos e algumas mordidas de leve nela. Coloco mais uma vez minhas mãos em seus seios e os apertava.


"O que será que ela está pensando?"

Perguntava isso várias vezes para mim mesmo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Sab Nov 09, 2013 10:30 pm

Estava feliz e inebriada, seu toque me fazia tremer até o fundo de minha alma, eu parecia estar completa naquele momento, seus olhos vez ou outra se encontravam com os meus e ruborizava de dele, mas era apenas um pouco e ele mal percebia.

Estava atingindo o ápice, estava cada vez mais perto, minha mente estava a mil pensando em varias coisas, eu queria poder sentir o que estava sentido ou o que estava pensando, eu queria apenas uma prova de que amanha ainda poderia estar aqui, a ideia de vê-lo partir fez doer um pouco por dentro de mim, eu não queria que partisse para longe de mim.

Toco seu rosto mais uma vez enquanto ele ainda a velocidade de seus movimentos e mordo o labio inferior soltando mais gemidos.

"Miller iras partir depois disso?"

Meus pensamentos me condenavam a essa possibilidade, eu o queria para sempre.

Seus olhos encontram os meus novamente enquanto ainda toca meus seios com firmeza me fazendo se contorcer embaixo dele.

"Miller eu acho que eu te amo"

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Sab Nov 09, 2013 10:47 pm

Me perguntava o que iria acontecer depois disso, será que ela iria me mandar embora depois? Espero que não, pois queria continuar com ela para sempre, mas não sabia se ela também me queria assim como eu a queria.

Continuo com os movimentos, não iria aguentar ficar naquilo por muito tempo, pois estava atingindo o auge. Sempre que ela me arranhava eu me arrepiava, sentia prazer apenas com o toque dela. Desço uma de minhas mãos para suas coxas e as alisava e apertava-as de vez em quando.

Eu estava completamente apaixonado, nunca tinha sentido um sentimento tão forte por alguém assim antes. Estava amando ela, mas não queria perguntar se ela sentia o mesmo por mim, pois tinha medo que sua resposta fosse negativa.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 3:45 am

Mil perguntas se passavam por minha cabeça naquele instante, a madeira com o fogo crepitava devagar, so tinha foco apenas para isso e Miller, ainda estava em um tipo de transe, de vez em quando ele me olhava e eu dava um leve sorriso, minha vontade era de dizer tudo que sentia, mas se eu o fizesse? Sua resposta seria boa? Se ele partisse, estava em um dilema, partes de mim estavam divididas em varios sentimentos e frases na qual queria dizer.

Estava atingindo o ápice assim como ele e deixo que de meus labios um gemido mais alto saia quando finalmente atingimos, ele apoia a testa na minha arfando assim como eu, ainda pensava no que aconteceu.

Minha cabeça estava a pensar em tudo o que eu poderia dizer naquele momento, chegamos no momento em que não sabia mais como seria, se ele iria embora de vez, eu não queria aquilo, o amava e queria-o perto de mim pra sempre, mas o que seria? Ao mesmo tempo a razão falava, ele era humano Kayla, logo o tempo passaria, ele ficaria mais velho a cada dia que passa e partirá pra sempre, ao contrario de você que tem toda eternidade para viver, de certa forma era verdade, ele envelheceria e eu continuaria da mesma forma pra sempre, não sabia se vampiro tinham filhos ou como era filhos de vampiros, seriam como humanos, ou vampiros, ou ate metade de ambos? Desde que fui abandonada naquele maldito orfanato quando nasci nunca pensei em conhecer alguem no qual me apaixonasse, muito menos pensar em ter uma familia, mas agora eu me peguei a me questionar sobre isso, como seria ter uma familia? Almas que acolhem outras para completar sua felicidade, amor, companheirismo, se eu tivesse a chance de ter filhos não deixaria que sua vida fosse nenhuma pouco parecida com a que tive, os amaria incondionamente até o fim da vida.

Volto a realidade, Miller ainda estava com a sua testa apoiada para mim e minhas pernas ainda estavam um pouco bambas em relação ao que havia acabado de conhecer.

Miller...eu te amo

Senti dizer enquanto tocava seu rosto, não me arrependeria do que acabei de dizer nem agora nem em mil anos, eu sentia toda certeza dentro de mim sobre, so temia perde-lo agora.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 8:30 am

Naquele momento ela também parecia estar no auge, então ela solta um gemido mais alto e atingimos os dois ao mesmo tempo. O que era aquilo? Nunca havia sentido nada parecido, será que ela estava sentindo o mesmo? Várias perguntas passavam pela minha cabeça naquele momento. Apoio minha testa na dela, arfando e sorrindo. Me perguntava se ela sentia o mesmo que eu.

Mas, e agora? Eu iria ter que sair e nunca mais iríamos nos ver? Não queria isso, queria continuar com ela para sempre. Porém, será que iria dar certo um humano com uma vampira? Isso me preocupava um pouco, mas eu a amava e não queria me afastar dela. Estava olhado para seus olhos e pensando no que falar agora, o local estava dominado pelo silêncio, só conseguia ouvir o barulho da chuva que ainda estava forte e a lareira. Alguém tinha que falar algo agora, porém parecia que ninguém sabia o que falar. Até que ela decide falar
"Miller... eu te amo". Fiquei paralisado, olhando nos olhos dela, mas não estava nervoso, nem tremendo e muito menos ruborizado, apenas fui pego de surpresa pelas suas palavras, não sabia o que falar agora, o que ela falou agora ecoava pela minha cabeça.

Cai deitado ao lado dela olhando para o teto enquanto ela continuava me fitando. Aquele olhar dela parecia penetrar direto na minha alma. Eu tinha que responder, porém consegui pronunciar apenas duas palavras.


- Eu... também.

Acho que nunca havia me sentido tão feliz antes, não imaginava que ela também estava apaixonada por mim assim como eu estava por ela. Agora voltei a fitá-la e nossos olhares se cruzaram, dessa vez não sabia mais o que falar, mas agora sabia que poderia ficar para sempre ao lado dela.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 9:39 am

Ele diz que tambem e isso me deixou um pouco mais aliviada, ele sentia o mesmo que eu? Assim com toda aquela intensidade que sentia no meu peito, eu podia sentir agora duas coisas que não sentia a muito tempo mesmo não sendo vampira, sentia meu coração e minha alma, ambos pulsarem dentro de mim, aquilo era tão bom.

Ele se deita do meu lado e coloco minha cabeça em seu peito, sentindo o subir e descer de seu peito voltando a respiração calma e o bater do seu coração, aquilo era tão calmo, era como uma canção que quase me emocionei por ouvi-lo, um bater acelerado que quase não sabia descrever, fico passando o dedo em seu peito como se desenhasse nele, permaneci em silêncio ali de frente aquela lareira depois de um momento incrivel, eu me sentia completa, me sentia realmente sua.

A razão sempre matelava na minha cabeça para que eu acordasse daquilo, ele era uma humano, eu uma vampira, se tivesse que ficar com ele até o fim dos seus dias eu morreria com ele, não suportaria a dor de perder ele pra sempre, era como se pudesse levar meu coração junto, eu não conseguia nem pensar nisso direito, por outrolado ele podia se transformar em vampiro e poderiamos viver junto para toda a eternidade, mas fazer isso com ele eu descartava de minha cabeça, eu nunca ousaria.

Dou um suspiro, agora que o silêncio predominava no recinto eu podia ouvir um pouco mais a chuva e ver os pequenos flash de luz que os relâmpagos faziam clarear um pouco a sala passando pela vidraça, ele tambem permanecia calado e me perguntava no que estava pensando agora e o abraço forte na esperança que fique comigo, eu não suportaria perde-lo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 10:04 am

Ela coloca sua cabeça em meu peito e fica passando o dedo em meu peito. Continuávamos os dois em silêncio, como sempre apenas ouvindo o barulho da chuva e da lareira.

Coloco um de meus braços em volta dela e a trago para mais perto do meu corpo, como se estivesse abraçando-a. Agora respirava com mais calma, pois não queria incomoda-la enquanto estivesse descansando a cabeça em meu peito. Meu coração continuava acelerado, porém aos poucos ia se acalmando, não havia mais motivos para eu ficar nervoso ao lado dela.

Nesse momento, tinha várias perguntas para fazer a ela, porém tinha uma que eu já queria fazer a algum tempo atrás, eu tinha medo que sua resposta fosse negativa, mas eu queria perguntar de qualquer jeito.


- A gente... pode ficar juntos para s-sempre?

Disse, eu ainda olhava para teto, agora com o rosto ruborizado. Tinha medo que a resposta dela fosse negativa pelo fato de ela ser uma vampira e eu um humano, como será que iria ser para ela me ver envelhecer enquanto ela continua jovem? Não queria que ela sofresse por causa disso, talvez ela pudesse me transformar em vampiro para ficarmos juntos para sempre, porém eu poderia me descontrolar e acabar machucando humanos, e isso era algo que eu não queria.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 12:43 pm

Sua pergunta me pega de surpresa e para um pouco de mover meus dedos em seu peito, sua respiração aos poucos estavam voltndo ao normal e varias duvidas me pegaram de surpresa, o que eu podia responder, acho que tinha de ser sincera nesse momento, pois era a primeira vez que estava apaixonada por alguem.
- Miller, claro que podemos, mas, sempre tem esse "mas", eu ficaria sempre do seu lado, eu não me importo de continuar com você pro resto da vida e com o passar dos dias suas feições mudariam, seus cabelos ficariam grisalhos, mas eu te amaria da mesma forma, mas quando visse sua vida chegar ao fim, eu iria junto com você, durante esse tempo que estive do seu lado pude perceber que nunca conseguiria continuar minha vida sem você.
Eu fitava seus olhos ao dizer cada palavra, eu queria ficar com ele pra sempre, apesar de nunca ter pensado no que era o amor, agora que o conheci, Miller, estava a ser a pessoa com quem queria passar o resto da vida, mencionei morrer ao seu lado por a sensação de se tornar vampiro ser muito pior, não desejaria esse tipo de dor pra ninguem, não era todos que queria ser vampios e ter toda uma eternidade em suas mãos, muitos desejam ficar assim e nunca envelhecer, mas quando se descobri o quanto a eternidade pode ser ruim, acaba que se arrependendo, por isso desejava novamente ter algum meio de ser mortal, aquele dilema me consumia tudo, chegando até doer.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 1:17 pm

Fiquei feliz e triste ao mesmo tempo ao ouvir sua resposta. Saber que ela ficaria ao meu lado para sempre me alegrava, porém foi como eu pensei, o fato de eu ser um humano e ela uma vampira deixaria as coisas mais complicadas, e agora saber que se eu morresse ela iria junto comigo me deixou triste também, pois não queria ser o motivo da morte dela.

Naquele momento, só conseguia pensar em uma solução para esse caso, poderia não ser uma das melhores e talvez ela não concordasse, mas poderia ser uma solução.


- Então... se você me transformasse?

Falei em um tom sério, talvez aquela pudesse ser a única solução mesmo, mas poderia ser arriscado me transformar em um vampiro, afinal eu gostava de ser humano.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 3:47 pm

O fito um pouco triste, arriscaria isso por mim?
- É um pouco complicado isso de transformação Miller, eu... nossa eu adoraria passar toda eternidade eu seu lado, mas não sei se seria capaz de te roubar assim sua humanidade, não é simples uma transformação, eu teria que lhe morder, você beber meu sangue e eu te matar, em poucos horas acordaria como vampiro, estaria em transição como eu estava, sentiria tudo nos minimos detalhes, o som ficaria mais agudo, sua visõa mais ampla e melhor, o cheiro do sangue lhe sufocaria e se chegasse a provar talvez nunca parasse, até drenar completamente o sangue, sem contar a dor que sentira durante a transição, como se seu sangue estivesse virando pedra dentro de suas veias, como se houvesse fogo passando sobre seu corpo e queimando tudo por dentro, te ver sofrer assim me cortaria o coração, mas... Miller, eu não quero viver sem você.
Profiro por fim deixando que lagrimas caiam de meu rosto, aqueles pensamentos me tiravam toda minha paz e me sentia vazia, a ideia de não tê-lo ou ele ir embora e nunca mais voltar me sufocava, eu precisava dele, não me importava de morrer junto a ele, eu sempre o amaria.
A chuva parecia ouvir meu choro e aumentar sua intensidade enquanto aquelas lagrimas passavam silenciosamente por meu rosto, eu tinha que achar uma solução, so não sabia qual era.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 4:05 pm

Estava de boca aberta naquele momento, não sabia que uma transformação era algo tão complicado assim, mas de qualquer jeito, eu amava ela tanto que poderia fazer qualquer coisa por ela.

Vejo uma lágrima caindo de seus olhos, então me viro para ela e a abraço com força. Agora imaginava como ela se sentia, se eu fosse um vampiro e ela humana, acho que não iria conseguir matá-la para que ela se transformasse em vampiro, mas também não iria conseguir aguentar vê-la morrer e continuar vivendo, por isso que eu ainda achava que me tornar um vampiro pudesse ser a melhor solução.

A chuva agora estava mais forte e dava para ouvir o barulho de relâmpagos do lado de fora. Eu continuava abraçado nela, tinha que acalmá-la de algum jeito, mas não sabia como, não gostava de ver ela desse jeito.


- Eu também não quero viver sem você, quero ter sempre você ao meu lado... Kayla, eu te amo.

Falava com a voz baixa no ouvido dela, enquanto acariciava sua cabeça tentando acalmá-la.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 7:47 pm

Sinto Miller me abraça mais forte, ele estava tentando me acalmar, mas dentro de mim nem eu sabia que confusão estava, eu o queria, o amava e o que sentiamos era quase que impossivel, eu não conseguiria transforma-lo, não conseguiria viver sem ele, caramba eu o amava tanto, eu me senti diferente com ele, não sei por seu sangue finalmente completar a transformação, mas eu sentia meu coração, minha temperatura não estava mais gelada, eu senti minha alma, tudo graças a ele, por que não ha solução? Por que tem que ser assim?

Mas lagrimas caem de meu rosto enquanto ele afaga meus cabelos e diz que me ama, o abraço ainda mais forte como que quisesse que aquilo fosse apenas um pesadelo, queria acordar e poder ver que podia estar com ele pro resto de minha vida, mas eu tinha toda eternidade, ele apenas anos, eu não conseguia suporta o pensamento de que algum dia poderia viver sem tocar sua mão, seu rosto, olhar nos seus olhos e declarar que tudo ficaria bem, senti os carinho em meus cabelos, eu queria, ter uma familia com ele, ter uma vida normal no qual teria que ver sua cara de contente e sem fala quando falasse que estava esperando um filho seu, a preocupação quando nosso filho estivesse doente, as noites cutucando um ao outro pra ver quem iria ver por que o bebê estava chorando, a cara boba de ver ele dar os primeiros passos e as primeiras palavras, eu queria tudo aquilo, eu queria ter com ele uma familia que nunca tive, eu queria ser feliz e faze-lo feliz até meu coração parar de bater e sempre no final do dia poder dizer o quanto te amo assim enquanto estamos abraçados depois de uma noite de amor de frente a lareira, eu queria, eu o amava.

- Sabe, eu queria poder ter uma vida ao seu lado, te dar uma vida normal, felicidade, tudo que merece, eu simplesmente... Amo você Miller, eu não posso deixar você partir, eu nunca me perdoaria se chegasse a fazer, eu não quero.

Minha voz estava trêmula devido ao nó que havia em minha garganta, lagrimas ainda ocupavam meus olhos me fazendo ter uma visão um pouco turva do fogo da lareira, quando me perguntava uma saida, ouvia apenas o silêncio junto ao tilintar da chuva la fora.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 8:24 pm

Caia cada vez mais lágrimas do rosto dela, continuava abraçado nela tentando acalmá-la, mas não conseguia, não sabia mais o que fazer ou o que falar para ajudá-la a se acalmar. Queria poder ler os pensamentos dela, para saber o que se passava na cabeça dela agora. Ouvia ela dizer que queria ter uma vida ao meu lado e que me amava, assim como eu ela estava apaixonada por mim.

- Eu também te amo Kayla. E nós podemos ter uma vida juntos... eu prometo que irei ficar sempre ao seu lado.

Abraço ela com mais força, não aguentava mais ver as lágrimas caindo pelo seu rosto, queria poder ajudá-la. Passava a mão em seu rosto, para tirar as lágrimas que não paravam de cair e voltava a abraçá-la forte para que ela se acalmasse.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 8:51 pm

Ele limpa minhas lagrimas e tento me acalmar um pouco mais, eu não podia pensar em tudo isso agora, teria tempo, mas não podia estregar aquela noite.

- Miller, eu pensei em tanta coisa agora, até em sua cara sem ação quando um dia dizer a você que estaria esperando um filho eu - ri entre as lagrimas - Mas as chances de um vampiro procriar são muito pequenas.

Ele ainda estava abraçado a mim forte e eu me abraçava a ele com a mesma intensidade, quase que se aquilo fosse um tipo de despedida, mas não era, nunca seria capaz de deixa-lo partir, ele prometeu que ficaria comigo sempre, ainda não sabia como, mas estava aliviada de ouvir que ele me amava e eu podia sentir aquilo, eu precisava dele quase como se ele fosse meu proprio coração e alma, tirados de mim eu não seria nada alem de um corpo vazio, sem vida e emoções, apenas uma casca, Miller conseguiu me mostrar que para amar bastava ter humanidade, os sentimento despertavam coisas impressionantes ate no pior ser do mundo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 9:11 pm

- F-Filho...?

Fiquei paralisado, ouvir aquilo foi um choque para mim, então ela já pensava em ter uma família comigo, será que é possível um humano e um vampiro terem um filho juntos? Pensava nas possibilidades de isso acontecer, se fosse possível, a criança seria um humano ou um vampiro? Aquela ideia de ter um filho subiu pela minha cabeça e agora não conseguia pensar em outra coisa.

- Já sei... as chances podem ser pequenas, mas elas ainda existem. Kayla... eu quero ter uma família com você.

Disse olhando diretamente em seus olhos, que estavam brilhando por conta das lágrimas que ainda caiam. Estava decidido a viver para sempre ao lado dela, e poder ter um filho com ela. Já não me importava mais com o fato de ela ser uma vampira, era só um detalhe, e não iria deixar que isso estragasse nosso futuro.

Agora que ouvir o que ela tinha para falar, se o que ela pensava não passavam de pensamentos ou se ela queria aquilo mesmo. Não me sentia nervoso ou ruborizado como normalmente fico, pois não sentia vergonha do que acabei de falar, apenas disse o que sentia para ela.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 9:34 pm

Fico fitando seus olhos em silencio com o que acabara de dizer, ter uma familia, sim, as chances eram poucas, mas podia ocorrer, eu queria que sim, se fosse que estivesse seus olhos, eu me sentia hipnotizada por eles.

- Sim, as chances são poucas, mas não impossiveis, um filho nosso seria metade humano, metade vampiro, ele cresceria rapidamente diferente de um filho de humano normal, mas quando se chega a fase adulta ele completa a transição e se torna imortal...

Bem, vampiros eram mesmo complicados, eu pensava na possibilidade dele permanecer humano e eu continuar sendo uma vampira junto a ele, quando ele morresse eu não me importava de ir junto, assim poderiamos ser feliz pra sempre, mas me questionava se existia esse negócio de céu e inferno, depois que se muda para um ser sobrenatural, as ideologias humanas não mais existiam, eu era nova como vampira, mal sabia de nada sobre.

Entrelaço seus dedos aos meus em seu peito enquanto tento sorrir pra espantar as lagrimas insistentes nos meus olhos.

- Ja havia pensado nisso alguma vez? tipo, ter uma familia.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 10:02 pm

Nossa, ter um filho metade humano e metade vampiro era algo diferente para mim, afinal nunca ouvi falar de alguém que fosse metade humano e metade vampiro. Ela dizia que já tinha pensado em ter um família, como assim? Será que ela nunca teve uma família antes? Será que foi sempre sozinha? Fiquei com medo de perguntar, acho que não era a hora certa para perguntar sobre o passado dela, afinal o meu passado também não foi dos melhores.

Seus dedos agora estavam entrelaçados nos meus e ela tentava sorrir, agora ela não parecia estar chorando mais, porém ainda parecia estar um pouco triste mesmo sorrindo. Será que ela iria querer ter um filho comigo, mesmo sabendo que eu sou um humano? Quer dizer, não iria me impressionar se ela não quisesse mesmo falando que me amava, afinal não achava que um vampiro iria querer ter um filho com um humano, mas mesmo assim queria perguntar isso a ela.


- E-Então... v-você quer ter uma f-família c-comigo?

Perguntei, não consegui evitar de gaguejar agora, esse era um problema que eu precisava resolver urgentemente. Apenas perguntei agora porque ela já parecia estar um pouco mais calma, porém tinha medo de qual seria sua resposta, pois até agora ela apenas disse que era possível nós termos um filho, mas não disse que queria ter um filho comigo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Dom Nov 10, 2013 10:26 pm

- Miller, eu adoraria ter uma familia com você, esses pensamentos passaram varias vezes por minha cabeça e não sabia com dizer isso a você, você provavelmente me chamaria de louca, mas eu te amo e é tudo que mais quero... - Dessa vez eu chorava, mas não de tristeza e sim por que estava feliz - Droga! Meu lado vampiro é mais fragil do que pensava.

Ri da piada que tinha feito entre as lagrimas, eu estava feliz por isso, então ele queria ter uma familia comigo tambem, aquilo me trouxe ainda mais calmaria.

- Eu não sei de nada sobre mim Miller, eu fui jogada em um orfanato quando criança, nunca tive amigos, nenhum familia me adotou e o tempo foi passando até eu chegar aos 18 e partir dali de vez, eu tentei conseguir um emprego e consegui comprar esse Loft e estou aqui até hoje, eu nunca soube o que era ter um carinho de mãe, receber um abraço de um pai quando se estava chorando por ter se magoado, ou um amigo no qual pudesse me divertir e desabafar, eu vivi minha vida sozinha acostumada com a solidão do meu lado, mas agora que conheci você e-eu quero ter uma, quero dar ao nosso filho tudo que eu nunca recebi, ser sempre presente na sua vida, ama-lo, fazer com que ele nunca esteja sozinho, você me mostrou algo que sempre duvidei que existiria, o amor, Miller eu estou completamente apaixonada por você e sempre que tento pensar como seria minha vida sem você me doi, me doi por que não existi, eu não existo, nunca vou existir se não puder sentir seu coração bater assim como está agora, de poder acordar e ver seus olhos ou sentir sua respiração em meu rosto, seu toque, podia me julgar de louca agora, mas me sinto melhor agora, como se eu fosse uma mortal forte o bastante pra enfrentar tudo por você, é o que eu quero, e vou.

As palavras saiam com tanta naturalidade de minha boca que eu mesma me sentia leve, emocionada com tudo que dizia, eu fitava seus olhos enquanto falava e quando finalmente terminei procurei seus labios em um beijo calmo, sentindo meu coração bater em meu peito, eu sentia seu corpo quente ao meu ali de frente aquela lareira, gostava daquilo, eu queria poder me acostumar com aquilo, poder ver seus olhos quando acordar, sentir seus labios no alto de minha cabeça enquanto brincava com os pingentes que tinha no pescoço, poder fazer planos e mais planos de uma vida que tinhamos pela frente, era o que eu queria.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Seg Nov 11, 2013 6:04 am

Era isso o que eu temia saber, assim como eu imaginava o passado dela não foi um dos melhores. Eu sinto falta de minha família agora, mas diferente de mim ela nunca teve uma.

Ela havia dito que queria ter uma família comigo e novamente começou a chorar, mas dessa vez era um choro alegre. Agora ela parecia mais calma, mas não sabia o que falar para ela após ouvir sua história, foi então que ela me beijou, um beijo calmo e suave. Separei nossos lábios por algum tempo.


- Não se preocupe, ficarei com você para sempre e então teremos uma família juntos. Eu juro que nunca irei deixar você e sempre estarei ao seu lado. Eu só quero fazer você feliz e ver o seu sorriso todos os dias, estou apaixonado por você como nunca estive antes.

Disse olhando diretamente nos olhos dela e sorrindo, aquilo era tudo o que eu queria e agora estava disposta a fazer qualquer coisa para que isso fosse possível.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Seg Nov 11, 2013 7:13 am

Dei um sorriso calma depois de um tempo.

- Obrigado por isso Miller, eu tambem te amo sempre.

Eu faria de tudo para faze-lo feliz, eu estava cada vez mais atraida por ele, eu enfretaria qualquer coisa se possivel e tentar fazer o que estivesse ao meu alcance para faze-lo feliz como ele estava me fazendo.

Estava deitada do seu peito ainda abraçado a ele, a chuva era forte e ri.

- Acho que esta preso aqui durante algumas horas, não quero que morra de uma pneumonia se sair nessa chuva, então esta obrigado a passa essa noite comigo.

Seria bom, o som de seu coração e sua respiração tranquila me fazia me sentir melhor, logo o sono me pegava aos poucos e bocejo calmamente ainda o abraçando forte.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Seg Nov 11, 2013 7:37 am

Sorri com o que ela me obrigando a ficar ali com ela.

- Ok, eu fico aqui com você.

Disse abraçado nela, ela já parecia estar com sono, já estava bocejando e seus olhos estavam quase fechando. Aos poucos eu também pegava no sono, bocejo ainda abraçado nela, dou um último beijo em sua testa e fecho os olhos caindo no sono abraçado nela.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Seg Nov 11, 2013 10:00 am

Foi um sono agradavel, os sonhos bons que tinha me dava um alivio, sonhava que Miller estava comigo, mas ela ainda era humano, por outro lado eu continuava a mesma, vampira, era bom ver seu sorriso leve, gostava daquilo, seus olhos que se encontravam com os meus de vez em quando enquanto estavamos sentados em um tipo de jardim, sorriamos e aquilo era bom, mas percebia que sentia dor, por acordar e ver que toda aquela confusão tomava conta de mim novamente, aquele mesmo dilema entre sermos diferente, ele humano e eu vampira, mas não desistiria dele tão facilmente, sempre haveria uma solução, procuraria ela.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Seg Nov 11, 2013 10:27 am

Dormir ao lado dela, era realmente agradável. Sonhava com nós dois juntos deitados em um campo florido e contando as estrelas no céu, nossos olhares se cruzavam e ela sorria para mim e eu sorria de volta, seu sorriso era lindo e seus olhos também eram. Eu estava indo beijar ela, porém acordo do sonho "Porque sempre acordo na melhor parte?" Penso, então olho para ela deitada ao meu lado, ela ainda estava dormindo abraçada em mim e com a cabeça deitada em meu peito, respirava mais devagar para que ela não acordasse.

Olhei para a janela, parecia já estar amanhecendo e a chuva ainda continuava lá fora, porém parecia diminuir aos poucos. Voltei a fechar os olhos, porém continuava acordado, não sei se iria conseguir dormir de novo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Seg Nov 11, 2013 10:38 am

Aos poucos os sonhos iam embora e eu ficava distante cada vez mais, pensava em tudo que aconteceu de novo, minha mente poderia dar um nó se fosse possivel, sera que exitia cura para vampiros? Se existisse eu a procuraria, mas não queria ver Miller sofrer ao se tornar vampiro.

Me mexo devagar olhando pra ele e ele me olha de volta e dou um meio sorriso.

- Desculpa, não queria te acordar

Digo colocando a cabeça de novo em seu peito, a chuva ainda estava ali, mas parecia mais fraca que antes, o dia ja estava perto de nascer.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Convidado em Seg Nov 11, 2013 10:39 am

Aos poucos os sonhos iam embora e eu ficava distante cada vez mais, pensava em tudo que aconteceu de novo, minha mente poderia dar um nó se fosse possivel, sera que exitia cura para vampiros? Se existisse eu a procuraria, mas não queria ver Miller sofrer ao se tornar vampiro.

Me mexo devagar olhando pra ele e ele me olha de volta e dou um meio sorriso.

- Desculpa, não queria te acordar

Digo colocando a cabeça de novo em seu peito, a chuva ainda estava ali, mas parecia mais fraca que antes, o dia ja estava perto de nascer.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loft Maurer

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum