Bem vindos!













Bem vindos ao Monster High School! Fique a vontade e se junte com a gente .::Gossip Monster::.
Vectro Graphics




Últimos Assuntos
















O que está acontecendo atualmente em Chernobyl City?
Últimos assuntos
» {Descrição} Hibridos
Sab Dez 26, 2015 8:30 pm por Mackenzie A. Irvine

» {Descrição} Sacerdotes e Sacerdotisas
Sab Dez 26, 2015 8:26 pm por Mackenzie A. Irvine

» Membros da Casa da Vida
Sex Dez 25, 2015 10:10 am por Mackenzie A. Irvine

» {Descrição} FTCS
Sex Dez 25, 2015 10:09 am por Mackenzie A. Irvine

» {Descrição} Transmorfos
Sex Dez 25, 2015 10:01 am por Mackenzie A. Irvine

» {Descrição} Oráculos
Sex Dez 25, 2015 9:55 am por Mackenzie A. Irvine

» [FP]-Alex Mikaelson
Qui Nov 27, 2014 6:43 pm por Convidado

» [FP] Srta. Annie Voguel
Sex Nov 21, 2014 12:05 pm por Convidado

» [FP] Jessica Hans
Dom Out 05, 2014 11:09 pm por Convidado
















Nossa Staff
Passe o Mouse para ver info






MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL



MPPERFIL
Nossos Parceiros
















Aqui são nossos parceiros
Parceiros
Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic Image and video hosting by TinyPic button

Loucuras de uma mente brilhante

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Qua Maio 01, 2013 12:04 pm

Prólogo


A vida não tem cooperado comigo. Cada dia ela tem me provado, me colocado em desafios, e tenho mostrado a ela que não é qualquer coisa que me derruba. Quando pequeno, as pessoas tiravam sarros da minha cara, por não ter nenhum tipo de beleza, mas isso não importava, tudo foi compensado com minha mente brilhante. Muitos me chamam de super dotado. Mas eu as falo que não sou, apenas uso a mente no que faço. Penso antes de agir. Hoje, tenho objetivos, que muitos não entendem, até me chama de loucos, mas eu sei que irei conseguir. Irei resgatar a vida da minha amada que morreu a 5 anos. Eles perguntam como farei, e digo, esperem para ver..

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Qua Maio 01, 2013 1:02 pm

Capítulo 1

Era manhã, o sol acabara de nascer. Sempre tive o costume de acordar cedo e admirar a paisagem do lugar. Veneza, um ótimo lugar para se viver. Toda aquela água ao meu redor, água sem fim. Observo os pássaros voando no céu azul, o seu cantar me faz acalmar. Tomo o meu café e vou até a praça central espera-la. Ela, o meu grande amor.

Aquele seria um dia muito especial. Eu A iria pedir em casamento. Eu a queria ao meu lado para o resto dos dias. até o fim das nossas vidas. Estava sentado no banco, enquanto a esperava. Alguns minutos depois eu a encontro, a alguns metros de distancia de onde estava. A sua beleza era incrível, Seus cabelos negros e irradiantes contrastavam com a cor branca de sua pele. Aqueles seus olhos azuis me levavam ao paraíso. Ela ao me ver, abre um sorriso, o sorriso mais belo que já tinha visto. Me levanto e vou ao seu encontro.

Naquele instante, eu a abraço. Nesse instante eu estava muito feliz, pois estava com ela. Nunca ninguém tinha me feito tão feliz como ela. Rebeca, a mulher da minha vida.
- Que bom que está aqui - Falo para ela. - Estava ansioso para te reencontra. Tenho algo muito importante para te falar. - Naquele momento, meu coração estava em festa, batendo mais forte, pois seria o momento decisivo. Bastava apenas um sim para tudo mudar.

Ela ficara curiosa com o que eu havia falado, e poe-se a sorrir. Tiro uma caixinha do meu bolso, me ajoelho e a pergunto: - Rebeca, eu te pergunto nesse instante, com todo amor e admiração que tenho por você, aceita se casar comigo? - Observo os seus olhos cheio de lágrimas.estava um pouco com medo da resposta, com isso fecho os meus olhos aguardando sua resposta.

Após alguns segundo, um som invade aquele lugar pacato. um barulho estridente, vindo em nossa direção. Abro os meus olhos, assustado sem saber o que estava acontecendo. Ela estava parada, sua feição, que antes era um sorriso, mudava vagarosamente. Seu corpo caia lentamente em minha direção. O que estava acontecendo.aceitou casar-se comigo. A seguro em meus braços, e sinto que suas costas estavam molhadas. Retiro uma das mão e vejo aquela cor forte. um vermelho vivo e penetrante escorria por minha mão. O que seria aquilo? Ela foi atingida por uma bala.


Naquele instante, todo o chão havia desabado. um sentimento de desespero estava a me invadir.


Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Qua Maio 01, 2013 1:08 pm

O.O

Critica:

Um tom de romantismo quebrado pela a morte nos primeiro capitulo dando a trama um ar de suspense e tristeza. Soltando o subjetivismo de muitos.
A pergunta que não quer calar:

DONDE VEIO A BALA?

Esperando os proximos capitulos.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Qui Maio 02, 2013 4:27 pm

Prévia do capítulo 2: Vingança

Em sua forma mais pura, um ato de retribuição fornece harmonia... a prestação de pagamento pelos crimes contra o inocente. Mas o perigo de vingança e mentiras pode gerar um ciclo de violência. Mesmo assim, é um risco que deve ser enfrentado... quando o maior delito é deixar que a culpa o torne impune.

Eu irei vinga-la.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Seg Maio 06, 2013 3:38 pm

Capítulo 2: Vingança(Parte 1)

Algumas pessoas sofrem para entender sua própria culpa. Relutantes ou incapazes de justificar o papel que desempenham nele. Outros fogem da culpa, escondem sua consciência, até não sobrar nada dela. Mas eu corri em direção a minha culpa. Eu me alimento dela. Eu preciso dela. Minha amada, agora morta, sem eu saber o motivo pelo qual foi assassinada. Para mim, a culpa é uma das lanternas, que ainda iluminam meu caminho.

9 horas antes do incidente...


Estava sendo uma noite muito demorada. Já era quase claro do dia, e eu super ansiosa para me encontrar com o meu amado. Não consegui mais dormir. Já tinha tomado quase meio litro de café. Uma mania que tenho desde quando pequena. Me olho no espelho, me observo. Não queria me esquecer do meu rosto jovem. Sei que com o tempo, surgirão algumas rugas, mas sei que o Lucas me amará mesmo assim.
Faz dias que quero falar algo para ele. Palavras que demonstrem quão grande é o meu amor por ele. Mas ando um pouco preocupada. Não sei como irei contar sobre um segredo que me persegue a anos.


(A campainha do apartamento toca)


- Quem será uma hora dessas? - Rebeca vai até a porta, vestindo apenas um roupão e sandálias de dedo.


Naquele instante meu coração disparara. Ao abrir aquela porta, esperava encontrar o meu amor. Fazias dias que não o via, queria muito poder olhar em seus olhos escuros e poder tocar os seus lábios.

(Rebeca abre a porta, e se assusta ao ver que não era o seu amado)

- Jack! O que faz aqui? Pensei que tinha lhe deixado bem claro que não tenho mais nada com você. Estou em outra agora. -


Aquela visita não estavam nos meus planos. Tudo o que havia planejado estava prestes a desmoronar.

- Calma coelhinha. Estou passando apenas para matar a saudade. Relembrar os velhos tempos. -
Jack ia se aproximando de Rebeca, acariciando seu rosto enquanto segurava o seu quadril.
- Não me toque. Não temos mais nada. Tudo não passou de um erro. Agora faça o favor de ir embora, pois tenho que me encontrar com o homem que me faz feliz de verdade.-
- Ta certo coelhinha, eu vou. Mas saiba que não se livrará de mim para sempre. Posso não te ter nessa vida, mas no inferno você será minha. - Ele a fita com olhar furioso e sai pela porta.

Para o inocente, o passado pode guardar uma memória. Mas para os desleais, é só uma questão de tempo antes do passado devolver o que eles realmente merecem.

CONTINUA...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Seg Maio 06, 2013 3:43 pm

CONTINUEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!!
so ta me deixando mais curiosa!!

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Seg Maio 06, 2013 3:56 pm

Aaaaaah Continue mesmo

To amando sua fic

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Ter Maio 07, 2013 4:19 pm

Capítulo 2 : Vingança parte 2

Assim como existem dois lados de cada história,existem dois lados de toda pessoa.Um lado que revelamos ao mundo e outro que mantemos escondido. Há um lado a minha vida, que espero que o Lucas nunca venha a descobrir, pois sei que iria afasta-lo de mim, e isso seria o fim de tudo que tenho planejado.

Já estava quase na hora de me encontrar com o Lucas. Ele me falara a alguns dias que tinha algo de muito importante para me falar. Até já imagino o que seja. Um pedido de casamento. Seria tudo o que eu iria querer nesse momento, me casar com ele e ter uma vida feliz ao lado de quem eu realmente amo. Quem sabe assim o meu passado sombrio me esqueceria.


( Rebeca sai do seu apartamento e vai ao encontro do seu amado. Mesmo abalada com a visita do Jack, ela sai com um sorriso no rosto e com os olhos brilhando de felicidade. Nada poderia impedi-la de ver o homem de sua vida. Afinal, ela estava apaixonada)

Que lugar maravilhoso. Todos esses pássaros cantando, até parece que estão comemorando algo. Bruno sempre foi muito romântico. Gosto disso nele. Ele me faz sentir outra pessoa quando estou perto dele.

(A jovem caminha lentamente, enquanto tentava imaginar o que seria tão importante que seu amado tinha para falar a ela. Se fosse o pedido de casamento, ela já até imaginara onde queria passar a lua de mel: No Caribe. Sempre fora um sonho seu desde pequena. ela caminha para vê-lo. Estava a apenas dois quarteirões de distância. Ali em um banco, estava Jack. Aparentava estar perturbado com alguma coisa. Rebeca ao vê-lo, exita em caminhar em sua direção. Naquele instante, seu corpo entrara em transe. O jovem ao avista-la, sai em sua direção com as mãos nos bolsos, se protegendo do frio. )

- Oi novamente coelhinha. O que faz aqui tão cedo? - Pergunta Jack se aproximando sorrateiramente.

- Esta me perseguindo? Você ainda não entendeu que não quero mais te ver? O que tenho que fazer para você ir embora para sempre.? é dinheiro que você quer? Se for isso posso te dar, mas me deixe em paz .

- Calma coelhinha. Está tão nervosa.Você sabe muito bem o que eu quero, e enquanto você não me der, eu não poderei lhe deixar em paz.É simples, você me da a encomenda e eu vou embora. - Jack a fitava enquanto sorria ironicamente. Ele era o tipo de malandro capaz de fazer qualquer coisa para conseguir o que quer.
- Eu não vou entrega-la nem hoje, nem nunca. E você nunca vai saber onde ela está. Agora saia do meu caminho. -
Rebeca o empurra e segue seu caminho. Ela estava um pouco aflita, mas tentara fingir estar feliz para não demonstrar para o Lucas. Depois de caminhar mais um pouco, ela finalmente o encontra , sentado em um banco na praça.

A hora definitiva havia chegado. Ele ao me ver, abre um sorriso. e o retribuo. Meu coração estava disparado, comemorando. Era como se não o visse a anos.Vou até ele e o abraço. E escuto o que ele tinha pra me falar. Tantas coisas se passavam pela minha mente, será que ele vai falar que me ama, ou vai terminar comigo? Vejo ele se ajoelhar. e da sua boca as palavras soavam delicadamente. Sim, era o que eu esperava: Um pedido de casamento. Meus olhos enchera de lágrimas e meu coração estava em tempo de sair do meu peito de tanta felicidade. E esse é o momento em que irei dar-lhe uma resposta.

( Ali não muito distante, estava Jack, observando-os. Ele suponha que quando Lucas se ajoelhara, seria para pedir Rebeca em casamento. E aquilo era a ultima coisa que ele queria ver.)
- Então é isso. A coelhinha vai se casar. Se ela pensa que será com outro homem alem de mim, está muito enganada. - Pensava alto.
Naquele instante, Jack puxa uma arma de sua cintura, e aponta para Rebeca.Momentos de quando estavam juntos, passavam por sua mente. Os dias de felicidade e os de pesadelo. Mesmo depois do que ela tinha feito com ele, dentro do seu peito ainda tinha uma ponta de amor por ela. Suas mãos estavam trêmulas. Bastava apenas puxar o gatilho e tudo estava acabado. Mas ele é surpreendido por um homem alto, que aparentava ser um militar.Ele usava um óculos escuro e exibia uma arma em sua cintura.
- Olá amigo Jack! Vejo que a sua parceira te trocou.
- O que faz aqui? O prazo ainda não acabou. - Fala Jack ao homem, enquanto abaixava a arma.
- Vejo que ainda não conseguiu a encomenda. A vadia não está cooperando?
-Ela não quer me entregar a encomenda.Mas é uma questão de tempo para ele me entregar.
- E como você poderia conseguir, se estava prestes a atirar nela? Mas não se preocupe, ela não servirá mais. Encontrei uma pessoa que irá nos contar onde ela está escondendo a encomenda.Ele falou que viu a Rebeca com ela em uma rua perto da delegacia central.
- E agora o que faremos com a Rebeca? Se ela descobrir, irá nos entregar para a polícia.
- Não se preocupe. Ela não terá como, porque você irá tira-la do nosso caminho .Termine o que estava para fazer. Se não for homem o suficiente, eu mesmo farei.Traidores não merecem segundas chances.

Alguns minutos depois ...



A mulher da minha vida estava agora morta em meus braços. Quem seria capaz de fazer mal a uma jovem tão doce? Isso não estava acontecendo. eu devo estar sonhando. Isso não passa de um pesadelo. O que vou fazer agora sem ela. como poderei ser feliz?

( Lucas deita a cabeça no em Rebeca, que estava morta em seu braços. Pessoas começam a surgir ao seu redor. Em instantes, uma multidão se formara naquele lugar. Lucas levanta o rosto, e olha para aquelas pessoas que o fitavam com olhares aflitos. Lágrimas jorravam de seu rosto. Ele olha mais uma vez para a jovem morta ... Todo aquele falatório das pessoas foi quebrado por um grito de desespero e amor ferido.

- Rebecaaaaaa.... - Lucas cai em desmaio ao lado de Rebeca.

Alguns dizem que nossas vidas são definidas pela soma das nossas escolhas.Mas não são nossas escolhas que distinguem quem somos, é o nosso compromisso com elas.


CONTINUA NO CAPÍTULO 3: A DESCOBERTA




Última edição por Hades em Ter Maio 07, 2013 4:26 pm, editado 1 vez(es)

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Ter Maio 07, 2013 4:23 pm

continuarei se estiverem gostando...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Ter Maio 07, 2013 4:27 pm

Ahhhhh percebi!!
Ai meu deus, ter com esse povo perigoso é foda!!
Mais continue eu quero mais, coitado do Jack na boa.
E Rebecca ela pagou o pato ;(

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Convidado em Ter Maio 07, 2013 4:33 pm

Verdade ;<
continue estou curiosa

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Loucuras de uma mente brilhante

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum